.o que existe entre você e alguém X o olhar que existe lá fora.

Algumas riquezas não têm necessidade de serem exibidas.
Só as pessoas envolvidas precisam saber o que existe entre você e o seus pais, você e o(a) seu(sua) melhor amigo(a) ou até mesmo você e o(a) sua(seu) namorado(a).
Porque a partir do momento que você exibe o que existe entre alguém e você para o mundo, está sujeito às opiniões alheias, boas e ruins, sobre o que está exibindo e é daí que surgem os mais comuns motivos para acabar tudo, caso uma pessoa for frágil demais a essas opiniões.


Acabar tudo o que existe sabendo que se não fosse escandalosamente exibido, não precisaria se acabar é inútil demais, porque um pote de ouro não se encontra em qualquer esquina.
E então quando encontrar o seu, se não estiver preparado para o olhar da sociedade, lembre-se que ninguém precisa saber o que está acontecendo entre você e alguém, porque a riqueza que vocês têm, só vocês conseguem e precisam perceber.

– Ozzim, L.

Anúncios

.experiências.

Já me queimei brincando com vela. Já fiz bola de chiclete e melequei todo o rosto.  Já conversei com o espelho.

Já me escondi atrás da cortina e esqueci os pés pra fora. Já passei trote por telefone.

Já tomei banho de chuva e acabei me viciando. Já roubei beijo. Jaá confundi sentimentos. Peguei atalho errado e continuo andando pelo desconhecido.

Já tentei esquecer algumas pessoas, mas descobri que essas são as mais difíceis de se esquecer. Já subi escondido no telhado pra tentar pegar estrelas.

Já fiz juras eternas, já escrevi no muro da escola, já chorei sentado no chão do banheiro, já fugi de casa PRA SEMPRE, e voltei no outro instante.

Já corri pra não deixar alguém chorando, já fiquei sozinho no meio de mil pessoas sentindo falta de UMA SÓ. Já me joguei na piscina sem voltade de voltar, já olhei a cidade de cima e mesmo assim não encontrei o meu lugar.

Já senti medo do escuro, já tremi de nervoso, já quase morri de amor, mas renasci novamente pra ver o sorriso de alguém especial. Já acordei no meio da noite e fiquei com medo de levantar. Já  gritei de felicidade.

Já me apaixonei e achei que era PRA SEMPRE, mas sempre era um ‘pra sempre’ pela metade. Já deitei na grama de madrugada e vi a Lua virar Sol, já chorei por ver amigos PARTINDO, mas descobri que logo chegam novos, a vida é mesmo um ir e vir sem razão.

Foram tantas coisas feitas, momentos fotografados pelas lentes da emoção, guardados num baú, chamado CORAÇÃO.

(De, ‘a redação vencedora’ – Volkswagen)
Ozzim, L.

.a cabana.

“Pegue a estrada menos usada, e isso fará diferença, cada dia e cada noite.

Nada nos deixa tão solitários quanto nossos segredos.

A felicidade tem uma INFINIDADE de combinações, mas a verdade é que só tem UM MODO de ser.

Eu me dou INTEIRAMENTE a você, como se não houvesse outros.

Você pode dizer adeus a sua família, a seus amigos, se afastar milhas e milhas e ao mesmo tempo carregá-los em sua mente, em seu coração, em seu ESTÔMAGO, pois você não APENAS vive no mundo, mas o mundo VIVE EM VOCÊ!
(do livro, A Cabana, com algumas modificações só :))

– Ozzim, L.

.amor é como o fogo.

O AMOR É COMO O FOGO!

Naão tem aquele ditado ‘quando um não quer dois não brigam’? então, quando um não quer, a chama se apaga.

Sabe por que a gente chora tanto na hora que se apaga? Porque tenta se lembrar de como era a chama acesa, tenta se lembrar de como era nítido quando tudo estava claro… Tenta se lembrar de como era QUENTE enquanto não estava apagada!

todo fogo tem sua metade fria’, e quando essa metade fria acaba não sendo mais só a metade, você faz de tudo pra não se apagar, faz de tudo pra não acabar, mas um dia a gente aprende, que a chuva mais cedo ou mais tarde vai chegar, e quando ela chega, é você quem decide, se quer proteger o fogo, ou deixar que a chuva o apague… Sendo assim pode ser que o fogo resista às tempestades, pode ser que não se apague fácil, mas pode ser que venha uma chuva DAQUELAS quando a chama estava maior do que você esperava! E tudo se vai, mesmo que você o proteja com a SUA VIDA

Às vezes por ela ter se apagado, você vai até o fundo do poço! Esquece de olhar pro lado, e perceber que estava de costas pra um fogo que NUNCA se apaga, um fogo que pode cair uma TEMPESTADE, ele estará aceso, pra sempre, esse é o fogo da amizade que, a propósito, não tem NENHUMA parte fria!

– Ozzim, L.